Oswaldo Faustino

Jornalista, desde 1976, Oswaldo Faustino atuou em jornais, como a Folha de SP, o Estado de SP e o Diário Popular, onde foi editor de Cultura, de 1985 a 1990. Escreveu livros infantis publicados pela FTD, na série Aventuras de Luana, em parceria com Aroldo Macedo, o criador da revista Raça Brasil, onde Oswaldo escreveu por cerca e 20 anos.

Ainda no Jornalismo, atuou em vários outros veículos, revistas, rádios e televisão, como a Rede Bandeirantes, onde foi produtor executivo do programa Flash e na TV da Gente, de Netinho Paula, onde além de produzir o programa feminino, era o contador de histórias no programa infantil, Turminha da Hora.

Entre seus 11 livros publicados, há ainda o infantil, Iorí Descobre o Sol, O Sol Descobre Iorí, da Editora Melhoramentos; o livro de entrevistas A Cor do Sucesso, da Editora Gente; a biografia do compositor e escritor Nei Lopes e A Legião Negra, ambas da Editora Selo Negro/Summus; e A Luz de Luiz – Por uma Terra sem Reis e sem Escravos, além de duas obras didáticas escritas com três outros parceiros.

Por mais de 10 anos, trabalhou como roteirista em uma produtora de áudios- visuais, além de escrever peças de teatro e atuar e dirigir espetáculos teatrais. Ativista do Movimento Negro, desde a década de 1970, é bastante convidado por Secretarias de Educação e Universidades a palestrar e ministrar mini-cursos com base nas Leis 10.639/03 e 11.645/08. Seus trabalhos são geralmente relacionados com África e Africanidades. Em Diadema, atuou junto à Secretaria de Cultura, como assessor cultural da linguagem artístico-cultural Hip Hop.